terça-feira, 30 de dezembro de 2014

LISTA: Os 10 melhores vídeos de 2014

LISTA: Os 10 melhores vídeos de 2014


Clique no link abaixo para acessar os vídeos:
http://academiaemdebate.blogspot.com.br/2014/12/lista-os-10-melhores-videos-de-2014.html

A teologia do estado no Novo Testamento – Romanos 13 e a “submissão” aos governos

A teologia do estado no Novo Testamento – Romanos 13 e a “submissão” aos governos

Na primeira parte deste artigo, foi examinada a natureza do estado nos Evangelhos, com especial atenção às tentações de Cristo e à famosa passagem do "Dai a César".  Nesta parte final, o objeto da análise será Romanos 13.  Ao final, uma aplicação possível será proposta.

Os ensinamentos de Paulo sobre o Estado

Ao passo que os Evangelhos pressionam o leitor a desenvolver por conta própria uma teologia completa e meticulosa sobre como os cristãos deveriam interagir com o estado, as epístolas de Pedro e Paulo tratam dessas questões de forma mais aprofundada.

Romanos 13:1-7 é a exposição mais explícita no que diz respeito ao governo civil. Outras escrituras importantes incluem Tito 3:1-3, 1 Timóteo 2:1-3 e 1 Pedro 2:11-17. Contudo, em nome da brevidade, somente Romanos 13 será examinada em detalhe. A seguinte análise beneficiou-se grandemente da obra do Dr. John Cobin, especificamente dos livros Bible and Government (tradução livre: "Bíblia e Governo") e Christian Theology of Public Policy (tradução livre: "A Teologia Cristã da Política Pública"), os quais, na opinião deste autor, oferecem a melhor e mais completa tentativa de integrar essa passagem (Romanos 13) a uma compreensão consistente da teologia da política pública.

Paulo era um cidadão romano de nascimento, e chegou até mesmo a usar sua cidadania a seu favor em uma ocasião em Atos 22 e 23. Ainda assim, ele era o "hebreu dos hebreus" e um fariseu no que tange à lei de Deus (Filipenses 3:5). Por isso, era de se esperar que ele, como os fariseus nos Evangelhos, fosse um tanto rancoroso com relação aos romanos por causa de seu domínio sobre as terras de Israel.  No entanto, em Romanos 13, Paulo parece ser bastante positivo em relação ao domínio romano.  Uma leitura "desatenta" do texto pode levar uma pessoa a acreditar que o estado é uma força muito positiva na sociedade e talvez mesmo uma instituição divinamente ordenada, da mesma forma que a família e a igreja o são.

Todavia, não creio que esse tipo de interpretação seja justificável. Exortações apostólicas com relação ao governo civil não podem ser facilmente conciliadas com uma leitura direta dos textos do Novo Testamento. Caso contrário, a conclusão seria a de que os apóstolos ou estavam errados — falando dentro de um contexto cultural irrelevante — ou eram simplesmente loucos. Quando se considera o verdadeiro contexto histórico de Romanos 13 — em vez de fazer apenas uma leitura descontextualizada das escrituras —, uma leitura totalmente diferente emerge.

Para ilustrar esse ponto, como seria a interpretação caso os termos "autoridades governamentais", "governantes" e os pronomes pessoais fossem substituídos pelos nomes do imperador e dos reis daquele tempo, a saber, Nero, Herodes e Agrippa? O texto diria o seguinte:
Todos devem sujeitar-se a Nero e Herodes, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas. Portanto, aquele que se rebela contra Nero e Herodes está se opondo contra o que Deus instituiu, e aqueles que assim procedem trazem condenação sobre si mesmos. Pois Nero e Herodes não devem ser temidos, a não ser por aqueles que praticam o mal.
Você quer viver livre do medo de Nero e Herodes? Pratique o bem, e ela o enaltecerá. Pois são de Deus para o seu bem. Mas, se você praticar o mal, tenha medo, pois elesnão portam a espada sem motivo. São servos de Deus, agentes da justiça para punir quem pratica o mal.
Portanto, é necessário que sejamos submissos a Nero e Herodes, não apenas por causa da possibilidade de uma punição, mas também por questão de consciência. É por isso também que vocês pagam imposto, pois eles estão a serviço de Deus, sempre dedicadas a esse trabalho. Deem a cada um deles o que lhe é devido: se imposto, imposto; se tributo, tributo; se temor, temor; se honra, honra. (Romanos 13:1-7)
Como os cristãos atuais interpretariam esse trecho sabendo que Nero estava no poder nos tempos dos escritos de Paulo?  Como lidar com o problema de que Nero matou boas pessoas — a saber, cristãos — e, ao mesmo tempo, tal passagem claramente diz que o governo civil recompensa e protege aqueles que fazem o bem? Claramente, o problema de interpretação não pode ser resolvido recorrendo a uma máxima tão simplista quanto "faça o que o governo ordena". Tanto o Velho quanto o Novo Testamento manifestam que isso não é certo ou verdadeiro em várias ocasiões. Alguns exemplos incluem:
  • Hebreus desafiando os decretos do Faraó ordenando o assassinato dos recém-nascidos (Êxodo 1)
  • Rahab mentindo para o Rei de Jericó sobre os espiões hebreus (Josué 2)
  • Ehud enganando os ministros do rei e assassinando o próprio rei (Juízes 3)
  • Daniel, Sadraque, Mesaque e Abednego recusando-se a cumprir os decretos do rei, e sendo miraculosamente salvos duas vezes (Daniel 3 e 6)
  • Os Reis Magos do Oriente desobedecendo às ordens diretas de Herodes (Mateus 2)
  • Pedro e João escolhendo obedecer a Deus em vez dos homens (Atos 5)
O texto de Romanos 13 pode ser mais bem compreendido ao se entender o contexto histórico e a razão evidenciada por meio das escrituras e da experiência, em vez de se fazer uma interpretação "crua" como a maioria dos cristãos costuma fazer.
1 Todos devem sujeitar-se às autoridades governamentais, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas.
O verso 1 diz que as autoridades governamentais são instituídas por Deus. A mensagem principal de Paulo aos cristãos, todavia, não é que os governos/estados são especialmente instituídos da mesma forma que o são a família e a igreja, mas sim que o estado não está operando fora dos planos de Deus. Nesse sentido, o estado é divinamente instituído da mesma foram que Satã é divinamente instituído. Deus não é surpreendido quando os estados agem da forma como agem. Como notado, especificamente nos Evangelhos, o estado é entendido, no decorrer de todos os livros, como sendo intimamente ligado a Satã e a seu reino, e patentemente oposto ao Reino de Deus. O status do estado dentro do plano final de Deus não legitima o mal que ele comete.

Uma submissão ao governo civil, portanto, é permitida. A ordem é obedecer em termos gerais; mas em ocasiões iremos desobedecer a algumas políticas públicas por causa de nossas convicções pessoais e religiosas. Os cristãos devem obedecer à maioria das políticas sempre e quando diretamente solicitados a fazê-lo, mas não devem prometer uma submissão ativa a toda e qualquer política pública. A submissão pode ser feita sempre que for conveniente, vantajosa e prática com relação aos homens, e glorificante perante Deus.

O doutor John Cobin explica que, "qualquer pecado de desobediência surge somente quando uma ação não é prudente, envolve má administração, requer a negação dos deveres familiares ou prejudica o principal propósito do cristão em sua vida". (Christian Theology of Public Policy, 120).
2 Portanto, aquele que se rebela contra a autoridade está se opondo ao que Deus instituiu, e aqueles que assim procedem trazem condenação sobre si mesmos. 3 Pois os governantes não devem ser temidos, a não ser por aqueles que praticam o mal. Você quer viver livre do medo da autoridade? Pratique o bem, e ela o enaltecerá. 4 Pois é serva de Deus para o seu bem. Mas, se você praticar o mal, tenha medo, pois ela não porta a espada sem motivo. É serva de Deus, agente da justiça para punir quem pratica o mal.
Os versos 2-4 indicam que, se você lutar contra o estado, você despertará a sua ira, mas se você se comportar da maneira como o estado desejar, você será protegido.  Em muitos pontos, o que o estado define como bom e mau pode ser diametralmente opostos ao que Deus define como bom e mau. Mas o que Paulo está falando aos cristãos de Roma é que, se você fizer algo que o governo romano define como mau, então provavelmente você será punido.

Não podemos abstrair esse verso do seu contexto cultural e torná-lo um requisito absoluto para todas as culturas, em qualquer época da história.  Fazê-lo significaria tornar os cristãos submissos a políticas públicas ruins. Não existe uma razão convincente para pensar que Paulo estava deliberadamente escrevendo a respeito de outros governantes senão aqueles do Império Romano.

Paulo sabia muito bem do poder de Nero e do potencial estrago que ele poderia causar aos cristãos de Roma — Paulo o chama de "a espada" —, de modo que ele não quer que os cristãos sejam perseguidos por qualquer outra coisa que não seja o nome de Cristo e o que Ele defende.  Paulo, no entanto, recorda aos cristãos romanos que até mesmo o temível poder do estado não está acima do poder de Deus. Sua mensagem a eles é a mesma deRomanos 8:28, que diz que "Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que O amam, dos que foram chamados de acordo com o Seu propósito". O estado pode, com efeito, ser um meio de santificação para a igreja do Senhor.
5 Portanto, é necessário que sejamos submissos às autoridades, não apenas por causa da possibilidade de uma punição, mas também por questão de consciência. 6 É por isso também que vocês pagam imposto, pois as autoridades estão a serviço de Deus, sempre dedicadas a esse trabalho. 7 Deem a cada um o que lhe é devido: Se imposto, imposto; se tributo, tributo; se temor, temor; se honra, honra.
Os versos 5-7 expandem as razões para submeter-se e inclui razões práticas pelas quais os cristãos romanos deveriam responder à mensagem de Paulo. Cobin diz, "a razão pela qual devemos nos submeter ao governo é para evitar a violência ou a preocupação de ser agredido pela autoridade estatal. Deus não deseja que nos misturemos com as questões desse mundo a ponto de que tal envolvimento nos desvie da nossa missão principal". (Christian Theology of Public Policy, 125).

A palavra "consciência" no verso deveria ser interpretada de forma similar a 1 Coríntios 10 (que trata de sacrifícios de alimentos a ídolos). Os cristãos estavam preocupados com a possibilidade de o estado romano encontrar alguma razão legal para persegui-los. Não se pode utilizar esse verso em um sentido absoluto para dizer que os cristãos nunca poderão participar de um movimento para remover uma autoridade do poder, tal como, por exemplo, a Revolução Americana. Paulo também encoraja os cristãos "a vencer o mal com o bem" como entendido em Romanos 12:21 (isso inclui uma autoridade maligna), e trabalhar para ser livres sempre que possível (1 Coríntios 7:20-23)

Paulo também aconselha submeter-se a pagar tributos pela mesma razão: evitar a fúria do estado e assim poder viver para Deus.  O indivíduo não gosta de pagar tributos, mas, para não ser perseguido pelo estado, paga.  Da mesma forma "paga a quem for o que lhe for de direito" é ordenado pelo mesmo propósito, especialmente considerando o tumulto político daquele tempo.

Mas isso significa que uma pessoa peca se cometer um erro na declaração do IR? Paulo provavelmente diria que não. Os tributos modernos são muito diferentes dos romanos. Na verdade, a palavra grega para "impostos" no verso 7 é mais próxima de "tributo", mais especificamente o imposto de capitação (ou "por cabeça") do censo distrital romano.  Os romanos enviavam soldados de cada em casa, contavam os moradores, calculavam o tributo e demandavam pagamento imediato.  Se o cristão não consentisse, então ele, sua família, e possivelmente mesmo seus companheiros crentes enfrentariam sérios problemas.

Paulo pediu que não houvesse resistência contra esses homens quando fizessem isso; que os impostos simplesmente fossem pagos.  Recusar-se a pagar faria apenas com que os cristãos fossem identificados como parte dos rebeldes e dos trapaceiros daquele dia, e daria aos Romanos razões para perseguir os cristãos em Roma e talvez em todo o Império.  Paulo queria que os cristãos romanos evitassem chamar a atenção e se tornassem alvos governamentais.

Como princípio geral, os cristãos modernos deveriam fazer o mesmo quando há uma ameaça imediata da coerção estatal, seja na forma de tributos ou de qualquer outra intimidação. Contudo, os tributos modernos não têm sempre essa característica; tributos e tarifas não são formas culturalmente transcendentes de pagamentos ao estado. Por isso, uma pessoa não está pecando se cometer um erro em sua declaração do IR. Cobin vai ainda mais longe e diz que alguns tributos podem ser completamente desconsiderados sem culpa. (Christian Theology of Public Policy, 129).

Romanos 13 não é uma declaração abstrata e universal que demanda submissão a todos os tipos de leis estatais, em todos os lugares, em todas as circunstâncias, em todos os momentos. Tampouco é uma prescrição para qual forma particular de governo é sancionada por Deus ou sobre como os estados deveriam agir. O contexto e o fraseado histórico requerem mais cuidados daqueles que se propõe a discursar sobre como deve ser a submissão de um cristão ao estado.

A obediência cristã ao governo tem como objetivo a vivência pacífica e a manutenção da honra do nome de Deus. Cristãos não são obrigados a seguir todos os tipos de políticas públicas.  No que mais, cristãos não devem seguir alguma lei que vá contra a lei de Deus.  Se os cristãos forem perseguidos, que isso ocorra em nome de Cristo e daquilo que ele representa, e não pela recusa a seguir alguma lei quando ela acarreta ameaça direta de ação estatal. 

Conclusão

Desenvolver uma teologia do estado baseando-se em uma análise do Novo Testamente é compreensivelmente difícil.  Examinando os evangelhos, vemos que o Estado não é relacionado ao Reino de Deus de nenhuma maneira; com efeito, o estado alia-se a Satã em direta oposição a Deus.

Finalmente, uma compreensão completa de Romanos 13, sob o seu devido contexto, nos ajuda a tomar melhores decisões dentro da estrutura governamental na qual nos encontramos.

___________________________________
Observação:

Alguns acadêmicos não estão convencidos de que Romanos 13 está verdadeiramente falando do governo civil.  Mark Nanos argumenta que Paulo na verdade está falando da obrigação dos cristãos — particularmente os cristãos gentios que se associaram às sinagogas judaicas de Roma — de "se subordinarem aos líderes das sinagogas e às "leis de comportamento" tradicionais que haviam sido desenvolvidas nas sinagogas no período da Diáspora, as quais definiam o comportamento apropriado dos "gentios corretos" que procuravam se aproximar dos Judeus e de seu Deus (Nanos, 291)

Norman Horn é o fundador e editor do site LibertarianChristians.com. É Ph.D. em engenharia química pela Universidade de Austin, Texas, e possui mestrado em Estudos Teológicos pela Austin Graduate School of Theology.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Multiculturalismo é uma filosofia satânica, criminosa, nociva e letal aos Valores Ocidentais pelo Prof. Dr. Walter E. Williams (Série: Negros Inteligentes)

Multiculturalismo é uma filosofia satânica, criminosa, nociva e letal aos Valores Ocidentais pelo Prof. Dr. Walter E. Williams (Série: Negros Inteligentes)

Clique no link abaixo para acessar maiores informações:
http://generoediversidadenaescola.blogspot.com.br/2014/11/multiculturalismo-e-uma-filosofia.html

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Dilma e Lula sabiam de tudo, de todas as corrupções, diz Alberto Youssef à PF. Prisão urgente e imediata de Lula e Dilma.

Dilma e Lula sabiam de tudo, de todas as corrupções, diz Alberto Youssef à PF. Prisão urgente e imediata de Lula e Dilma.

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/10/dilma-e-lula-sabiam-de-tudo-de-todas-as.html

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

(Vídeo 2:01) - O Governo Dilma - "Petista/PMDB e Aliados" - quer proibir a pregação do evangelho para dependentes químicos, etc...

(Vídeo 2:01) - O Governo Dilma - "Petista/PMDB e Aliados" - quer proibir a pregação do evangelho para dependentes químicos, etc...

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://jornalsaopaulopresbiteriano.blogspot.com.br/2014/10/video-201-o-governo-dilma-petistapmdb-e.html

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

(Vídeo 2:34) - A Vitória da Comunista Dilma poderá desencadear uma Guerra Civil no Brasil.

(Vídeo 2:34) - A Vitória da Comunista Dilma poderá desencadear uma Guerra Civil no Brasil. 

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://jornalsaopaulopresbiteriano.blogspot.com.br/2014/09/video-234-vitoria-da-comunista-dilma.html

Levy associa homossexuais à pedofilia e prega enfrentamento a gays

Levy associa homossexuais à pedofilia e prega enfrentamento a gays

(...) vamos ter coragem, nós somos maioria, vamos enfrentar essa minoria. Vamos enfrentá-los. Não tenha medo de dizer que sou pai, uma mãe, vovô, e o mais importante, é que esses que têm esses problemas realmente sejam atendidos no plano psicológico (...)

Maiores informações clique no link abaixo para acessar a reportagem:
http://eleicoes.uol.com.br/2014/noticias/2014/09/29/levy-associa-homossexuais-a-pedofilia-e-prega-enfrentamento-a-gays.htm

domingo, 28 de setembro de 2014

(Vídeo 7:21) - Paes de Lira comenta a cristianofobia e blasfêmia na 31ª Bienal de Artes de São Paulo

(Vídeo 7:21) - Paes de Lira comenta a cristianofobia e blasfêmia na 31ª Bienal de Artes de São Paulo

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://cristofobianobrasil.blogspot.com.br/2014/09/video-721-paes-de-lira-comenta.html

Lula ultrapassa o limite da estupidez em comício em Santo André e desenvolve a teoria de que roubar banco é uma atividade que faz sentido… Dá para entender por que Dilma quer dialogar com cortadores de cabeças

Lula ultrapassa o limite da estupidez em comício em Santo André e desenvolve a teoria de que roubar banco é uma atividade que faz sentido… Dá para entender por que Dilma quer dialogar com cortadores de cabeças
Clique no link abaixo para acessar a matéria:http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/09/lula-ultrapassa-o-limite-da-estupidez.html

(Vídeo 1:53) - Honestamente, mais um motivo para não votar no maior senador inútil de São Paulo - Suplicy quer que os jovens que cometeram crimes hediondos deem aulas de português e alfabetização e trabalhem como enfermeiros

(Vídeo 1:53) - Honestamente, mais um motivo para não votar no maior senador inútil de São Paulo -  Suplicy quer que os jovens que cometeram crimes hediondos deem aulas de português e alfabetização e trabalhem como enfermeiros 

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/09/video-153-honestamente-mais-um-motivo.html

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Mais um escândalo no Ministério da Cultura - Marta Suplicy/PT-SP - 31ª Bienal de "Artes" de São Paulo - Evento patrocinado pelo governo esquerdopata petista configura vilipêndio de objeto religioso.

Mais um escândalo no Ministério da Cultura - Marta Suplicy/PT-SP - 31ª Bienal de "Artes" de São Paulo - Evento patrocinado pelo governo esquerdopata petista configura vilipêndio de objeto religioso. 

Clique no link abaixo para acessar a reportagem:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/09/mais-um-escandalo-no-ministerio-da.html 

terça-feira, 16 de setembro de 2014

domingo, 14 de setembro de 2014

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

(Vídeo 5:15) - Como o "Direitos dos Manos" (Esquerdopatas, Esquerdista Caviar, Socialista, Comunista, Marxista e PeTralhas) trata um estuprador e assassino.

(Vídeo 5:15) - Como o "Direitos dos Manos" (Esquerdopatas, Esquerdista Caviar, Socialista, Comunista, Marxista e PeTralhas) trata um estuprador e assassino.

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://direitoreformacional.blogspot.com.br/2014/09/video-515-como-o-direitos-dos-manos.html

(Vídeo 11:43) - Esquerdistas Caviar e Hipócritas dominam as Comissões de Direitos Humanos (Direitos dos Manos)

(Vídeo 11:43) - Esquerdistas Caviar e Hipócritas dominam as Comissões de Direitos Humanos (Direitos dos Manos)

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://direitoreformacional.blogspot.com.br/2014/09/video-1143-esquerdistas-caviar-e.html

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

(Vídeo) - Tema: Segurança Pública - Como a visão humanista e ideológica transformaram o Brasil em um dos países mais violentos do mundo.

(Vídeo) - Tema: Segurança Pública - Como a visão humanista e ideológica transformaram o Brasil em um dos países mais violentos do mundo.

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://direitoreformacional.blogspot.com.br/2014/09/video-tema-seguranca-publica-como-visao.html

sábado, 9 de agosto de 2014

Sugestão de Leitura: Teoria e História - A refutação definitiva de economista e filósofo Ludwig von Mises ao historicismo marxista

A refutação definitiva de Mises ao historicismo marxista

O mais novo lançamento do Instituto Mises Brasil é Teoria e História, de Ludwig von Mises. Trata-se de um contundente ataque ao marxismo, mais especificamente ao seu historicismo, que Karl Popper também detonou em The Poverty of Historicism.


Fonte: http://historiareformacional.blogspot.com.br/2014/08/a-refutacao-definitiva-de-mises-ao.html

PF intima delegado que denunciou fábrica de dossiês no governo Lula

PF intima delegado que denunciou fábrica de dossiês no governo Lula

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/08/pf-intima-delegado-que-denunciou.html

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

sexta-feira, 4 de julho de 2014

Livro: "O Chefe by Ivo Patarra" - Dirigentes do PT foram denunciados por montar uma organização criminosa.

Livro: "O Chefe by Ivo Patarra" - Dirigentes do PT foram denunciados por montar uma organização criminosa.

Clique no link abaixo para acessar o e-book gratuitamente:
http://professor-luiscavalcante.blogspot.com.br/2014/07/livro-o-chefe-by-ivo-patarra-dirigentes.html

Marxismo cultural é um paradoxo - cuidado com quem evoca este termo by economista e historiador presbiteriano Gary North

Marxismo cultural é um paradoxo - cuidado com quem evoca este termo by economista e historiador presbiteriano Gary North

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://economistagarynorth.blogspot.com.br/2014/07/marxismo-cultural-e-um-paradoxo-cuidado.html

(Vídeo) - Seminário Presbiteriano (JMC) recebe treinamento para não serem enganados e iludidos pelo sofisma e ideologia luciferiana do Marxismo Cultural by Pb. Solano Portela

(Vídeo) - Seminário Presbiteriano (JMC) recebe treinamento para não serem enganados e iludidos pelo sofisma e ideologia luciferiana do Marxismo Cultural by Pb. Solano Portela

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://presbiteropresbiteriano.blogspot.com.br/2014/07/seminario-presbiteriano-jmc-recebe.html

segunda-feira, 30 de junho de 2014

(Vídeo) - Feminismo é uma Doença Mental. Feminista funcional mostra que Lyle Rossiter está correto ao tratar o esquerdismo como doença mental

(Vídeo) - Feminismo é uma Doença Mental. Feminista funcional mostra que Lyle Rossiter está correto ao tratar o esquerdismo como doença mental 

Clique no link abaixo para acessar: 

http://generoediversidadenaescola.blogspot.com.br/2014/06/video-feminismo-e-uma-doenca-mental.html

domingo, 29 de junho de 2014

A esperança cristã e o debate político by Rev. Paulo Ribeiro Pontes

A esperança cristã e o debate político



Por Rev. Paulo Ribeiro Pontes


Tenho observado com alegria a participação de cristãos no debate político ora em curso no país. Muito embora a participação de alguns esteja limitada tão somente à militância partidária e ideológica, alegra-me o fato de que alguém queira trazer a perspectiva cristã para o debate. Afinal de contas o sonho de um país melhor, sem violência e sem corrupção; o sonho de uma sociedade mais justa e fraterna é um sonho de todos: cristãos e não cristãos.

Mas sendo ano eleitoral, a tensão está alta e a tendência, a meu ver, é que o tom do debate suba ainda mais depois da Copa. E o meu receio é o de que nós, os cristãos, saíamos do debate piores do que entramos e que a nossa contribuição para a expansão do Reino seja pífia. Como o debate já está se polarizando de maneira maniqueísta entre direita e esquerda, isto pode nos levar a uma participação cristã no debate ancorada apenas numa esperança intramundana e não numa esperança que penetra além do véu (Hebreus 6.19).

Todos querem a cura para os nossos males. Todavia há quem ancore a sua esperança de cura numa sigla partidária, numa ideologia ou num programa de governo. Outros são mais específicos e acham que a cura virá por meio da educação, da tecnologia ou de uma descoberta científica qualquer. Eu me lembro de como o mundo assistiu pela televisão, no dia 20 julho de 1969, o primeiro homem pisando na lua. Foi um feito tão incrível que muitos tiveram dificuldades de acreditar que o homem tivesse mesmo pisado na lua. E muitos se encheram de esperança. Como afirmou Neil Armstrong ao dar os primeiros passos sobre a superfície lunar: "Este é um pequeno passo para um homem, mas um grande salto para a humanidade". O homem pisar na lua foi, sem dúvidas, um acontecimento impressionante e que encheu de esperança a muitos. Entretanto, a esperança que move o cristão está num fato muitíssimo mais impressionante: o Criador do universo, pisou na terra.

Devemos nos lembrar de que estamos encapsulados dentro de uma realidade que ficou totalmente comprometida pelo pecado. Toda criação está sujeita a vaidade (Romanos 8.20) E tudo dentro da realidade criada traz em si a marca do pecado. Portanto qualquer esperança que seja apenas intramundana estará fadada à frustração. Parafraseando o Eclesiástes, dentro da capsula tudo é vaidade e correr atrás do vento. Toda solução que procede somente de dentro da realidade criada será fútil. Toda e qualquer esperança nascida dentro da capsula resultará em frustração. Podemos até experimentar melhoras aqui e acolá. Mas a solução definitiva não será derivada de dentro da capsula. Ele terá que vir de fora. E esta é a peculiaridade da esperança cristã que está ancorada além do véu.

A esperança do cristão está no fato de que Deus mesmo, o Criador do universo, invadiu pessoalmente a história humana. Há mais de dois mil anos nasceu um menino em Belém da Judéia. Seu nascimento foi diferente de todos os outros antes ou depois do dele. Sua mãe era uma virgem que, pelo poder de Deus, engravidou sem que tivesse tido relações sexuais. Portanto, Jesus Cristo veio a este mundo por meio de um milagre biológico. Este fato aponta para o paralelo existente entre Adão e Jesus Cristo (Romanos 5.12 – 21, 1 Coríntios 15.45). Todas as pessoas nascidas no mundo nascem de maneira ordinária, do concurso de um pai e de uma mãe. As duas exceções são Adão e Jesus Cristo. Ambos entraram na história de maneira extraordinária. Ao criar Adão, de maneira extraordinária, Deus deu início à história humana, que posteriormente foi corrompida pelo pecado. E todos que nasceram a partir de Adão nasceram para o pecado e para a morte, porque o pecado e a morte passaram a reinar dentro da esfera criada. Mas lá em Belém, por meio do nascimento extraordinário de Jesus Cristo, Deus começou um projeto “novo” que a Bíblia chama de nova aliança, por meio da qual uma nova criação está vindo à existência.

O cristão espera por novos céus e nova terra, nos quais habita a justiça (2 Pedro 3.13). Ele anseia pelo tempo em que coisas tais como direita e esquerda, PT e PSDB não existirão mais. Para o cristão todos os reinos deste mundo tem prazo de validade. Ele está empenhado na defesa e na expansão do Reino Eterno do Cordeiro. Embora a esperança do cristão possa parecer alienação, é nela que reside o diferencial da participação do cristão no debate político. Pois considerando que tal esperança está ancorada além do véu, e não numa sigla partidária, numa ideologia ou em qualquer ponto do espectro político, o cristão tem liberdade para reconhecer de maneira desapaixonada a virtude e o erro onde eles estiverem. Ele será livre, por exemplo, para apreciar ao mesmo tempo a livre iniciativa tão valorizada pela direita e a promoção de justiça social tão valorizada pela esquerda. Ele será livre para denunciar e combater coisas tais como o totalitarismo, o autoritarismo, a corrupção, a violência, a desonestidade onde quer que tais coisas possam ser encontradas no espectro político.

Com o que foi dito acima não estou advogando neutralidade. O próprio Jesus Cristo disse que tal neutralidade inexiste (Marcos 9.40; Lucas 9.50). Em nossa participação no debate e no processo político, como em tudo mais, estaremos nos sujeitando ao Senhor e ao seu Ungido ou nos rebelando contra Ele (Salmo 2). Aqueles que, por exemplo, se relacionam comigo, ainda que por meio das redes sociais da internet, já perceberam que eu entendo que a reeleição da Presidente Dilma não será boa para o Brasil. A tendência totalitária e autoritária do projeto de país defendido por seu governo muito me preocupa. Tal tendência ficou clara, a meu ver, por meio do 3º Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH-3) instituído, em 2009, por meio do Decreto presidencial nº 7.037. E agora, mais uma vez, por meio do Decreto 8.243 o atual governo brasileiro mostra a sua face totalitária. A tendência totalitária a que me refiro fica exposta também por meio da simpatia que o nosso atual governo demonstra para com governos totalitários de outros países como Venezuela, Cuba e Irã. Eu estou convencido de que nunca na história deste país as liberdades de expressão e de culto estiveram tão ameaçadas.

Como é que Deus escreverá a história política do nosso país nós não sabemos. Não sabemos quem será eleito. Não sabemos o que o futuro nos reserva. Entretanto, se a nossa esperança estiver ancorada além do véu continuaremos a defender os valores que sempre defendemos e denunciando os erros que sempre denunciamos independentemente do resultado das eleições.

***
Sobre o autor: Paulo Ribeiro Fontes é pastor titular da Igreja Presbiteriana Ebenézer desde 2000. Foi pastor auxiliar na 1ª Igreja Presbiteriana de Governador Valadares, e pastor efetivo nas seguintes igrejas: Primeira Igreja Presbiteriana de Barra de São Francisco-ES, Igreja Presbiteriana de Bom Jardim (Ipatinga-MG) e Igreja Presbiteriana Filadélfia (Governador Valadares-MG). Foi diretor do Seminário JMC no período de 2003 a 2006. É graduado em Teologia, mestre em Teologia Sistemática pelo CPAJ (Centro de Pós-graduação Andrew Jumper - Universidade Mackenzie - 2001) e Doutorando em Ministério pelo CPAJ.

Fonte: Igreja Presbiteriana Ebenezer

Fonte via: 
http://bereianos.blogspot.com.br/2014/06/a-esperanca-crista-e-o-debate-politico.html#.U7BQmfldWyk

Sugestão de leitura: O Verdadeiro Che Guevara - e os idiotas úteis que o idolatram - Acompanha um DVD com o documentário: "GUEVARA: anatomia de um mito" by Humberto Fontova (Jornalista, cientista político e mestre em estudos latino-americanos pela Universidade de Tulane e fugitivo de Cuba)

Sugestão de leitura: O Verdadeiro Che Guevara - e os idiotas úteis que o idolatram - Acompanha um DVD com o documentário: "GUEVARA: anatomia de um mito" by Humberto Fontova (Jornalista, cientista político e mestre em estudos latino-americanos pela Universidade de Tulane e fugitivo de Cuba)

Clique no link abaixo para acessar maiores informações:
http://historiareformacional.blogspot.com.br/2014/06/sugestao-de-leitura-o-verdadeiro-che.html 

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Decreto 8243: Economista explica os efeitos destrutivos para a economia do Brasil

Atenção meus alunos de administração, contabilidade e economia da Fundação Bradesco, estaremos assistindo hoje e discutindo urgente o vídeo abaixo:
Decreto 8243: Economista explica os efeitos destrutivos para a economia do Brasil - http://economiareformacional.blogspot.com.br/2014/06/decreto-8243-economista-explica-os.html

(Vídeo 6 min.) - Liberalismo moral: "O corpo é meu e faço dele o que eu quiser" by Guilherme de Carvalho

(Vídeo 6 min.) - Liberalismo moral: "O corpo é meu e faço dele o que eu quiser"  by Guilherme de Carvalho

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://generoediversidadenaescola.blogspot.com.br/2014/06/liberalismo-moral-o-corpo-e-meu-e-faco.html

Maria Clara Bubna: mais um exemplo do fascismo da extrema-esquerda

Maria Clara Bubna: mais um exemplo do fascismo da extrema-esquerda

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://mentalidadeesquerdista.blogspot.com/2014/06/maria-clara-bubna-mais-um-exemplo-do.html

sexta-feira, 20 de junho de 2014

quinta-feira, 19 de junho de 2014

sexta-feira, 13 de junho de 2014

domingo, 8 de junho de 2014

(Vídeo) - Plano do PT para implantar a ditadura. Dilma decidiu extinguir a democracia por decreto. É golpe!

(Vídeo) - Plano do PT para implantar a ditadura. Dilma decidiu extinguir a democracia por decreto. É golpe!

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/06/plano-do-pt-para-implantar-ditadura.html

segunda-feira, 26 de maio de 2014

domingo, 25 de maio de 2014

quarta-feira, 21 de maio de 2014

As barreiras do sindicalismo - “O poder sindical é essencialmente o poder de privar alguém de trabalhar aos salários que estaria disposto a aceitar.” (Hayek)

As barreiras do sindicalismo - “O poder sindical é essencialmente o poder de privar alguém de trabalhar aos salários que estaria disposto a aceitar.” (Hayek)

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://sindicalismocalvinista.blogspot.com.br/2014/05/as-barreiras-do-sindicalismo-o-poder.html

sexta-feira, 16 de maio de 2014

O fim da ideologia? by Patrick J. Buchanan

O fim da ideologia?

Pat Buchanan: Tradição de polos opostos em conflito deu lugar a nacionalismo

Patrick J. Buchanan
Nos talk shows, editoriais e think tanks americanos há uma preocupação crescente com acontecimentos no exterior, e em geral o presidente Obama é considerado culpado pela queda do respeito mundial pelos Estados Unidos.
Pat Buchanan: colunista do WND e ex-assessor do presidente Ronald Reagan
Mesmo assim, não se vê a classe média americana pedindo providências para alterar a percepção de que os EUA estão regredindo.
Se uma única frase pudesse expressar a aparente indiferença da maioria silenciosa dos americanos sobre o que acontece no exterior, poderia ser uma simples pergunta: “É problema nosso?”
Se uma bandeira russa ou ucraniana tremula sobre a Crimeia, por que isso deveria preocupar os americanos ao ponto de mandarem navios, armas e tropas? Se o Japão e a China brigam por ilhotas a mais de 10.000 km de distância, lugares que poucos americanos conseguiriam localizar no mapa, por que deveriam se envolver?
E, verdade seja dita, a resposta das elites intelectuais não convence.
Uma das explicações para os EUA ignorarem essas guerras é que não veem interesse vital nesses conflitos; da Síria à Crimeia, do Afeganistão ao Iraque, do Mar da China Meridional às Ilhas Sentaku.
Além disso, a principal motivação que fez o país se sacrificar por meio século em uma Guerra Fria que custou trilhões de dólares e 90.000 vidas na Coreia e no Vietnã, a convicção de que estavam liderando forças do bem contra forças do mal que governavam o império Russo-Chinês, não existe mais.
A grande luta ideológica do século XX entre totalitarismo e liberdade, comunismo e capitalismo, ateísmo militante e cristianismo acabou.
O império comunista desmoronou. Sobraram apenas restos esquecidos, como Cuba. O marxismo-leninismo como uma ideologia que orientava grandes potências está fadado ao fracasso. O Partido Comunista pode governar a China, mas o capitalismo de estado gerou bilionários chineses que não andam por aí com exemplares do Livrinho Vermelho.
Os restos mortais de Lenin podem estar depositados na Praça Vermelha, e os de Mao na Praça da Paz Celestial, mas são pontos turísticos e não santuários em honra a salvadores seculares nem objetos de culto.
A única região onde a religião e a ideologia impelem os homens a lutar e morrer para criar um mundo baseado nos dogmas da fé é o mundo islâmico. Mesmo assim, como observou o diretor da CIA Richard Helms, todas as três nações que adotaram a ideologia islâmica, o Afeganistão do Talibã, o Irã dos aiatolás e o Sudão, tornaram-se estados falidos.
Mas quando a fé ou a ideologia de uma civilização morre, algo deve substituí-la. E parece que, pelo mundo, as pessoas e os regimes estão se voltando para o nacionalismo.
Vladimir Putin tomou a Crimeia de volta e se declarou protetor dos povos russos das antigas repúblicas soviéticas.
As exigências da China ao Japão no Mar da China Meridional têm base em mapas do século XIX e nacionalismo do século XXI, estimuladas por um ódio nascido da brutalidade japonesa na conquista da China entre 1931 e 1945.
A resposta do Japão não foi reafirmar a divindade do imperador. O Primeiro-Ministro Shinzo Abe está invocando o nacionalismo, tentando contornar a constituição pacifista imposta ao Japão após a 2ª Guerra Mundial.
Os EUA também estão à procura de um substituto para o anticomunismo para justificar compromissos globais que parecem ter cada vez menos a ver com interesses nacionais vitais.
Bush pai falou em construir uma “Nova Ordem Mundial”. A frase se tornou um epiteto. George W. Bush declarou que a missão dos EUA era “acabar com a tirania no mundo”. A nova divindade com que o país parecia querer converter a humanidade era o bezerro de ouro da democracia.
Mas quando a democracia (um homem, um voto) produziu o Hamas na Palestina e a Irmandade Islâmica no Cairo, começaram as mudanças de opinião e as apostasias.
Ao fim da Guerra Fria, Francis Fukuyama previu que estaríamos nos aproximando do “Fim da História”, em que a democracia se mostraria a forma final de governança, abraçada por toda a humanidade.
No entanto, não apenas na Rússia e na China, mas também na Europa e no terceiro mundo, a democracia parece menos um fim em si mesma para os povos e mais um meio para se chegar a uma causa maior.
O apelo pelas tribos e nações parece mais convincente. E o evangelho ocidental segundo o qual todas as religiões, raças, nações e tribos são iguais e deveriam ser tratados igualitariamente, embora seja uma retórica eficiente, está descreditado.
O primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, chamou a democracia de um ônibus do qual você desce quando chega à sua parada. E a parada acabou sendo um estado islâmico moderado que obedece aos seus próprios princípios e aos do seu partido. 
É compreensível que países por todo o mundo queiram que os EUA vão lutar suas guerras. Mas embora seja interesse deles, será ainda também dos americanos?
O império americano, o último dos grandes impérios ocidentais, pode estar prestes a cair tão repentinamente quanto os outros impérios do século XX.
Pat Buchanan é colunista do WND e foi assessor do presidente Ronald Reagan.
Tradução de Luis Gustavo Gentil do original do WND: THE END OF IDEOLOGY?
Outros artigos de Pat Buchanan:

quarta-feira, 14 de maio de 2014

segunda-feira, 12 de maio de 2014

quarta-feira, 7 de maio de 2014

segunda-feira, 5 de maio de 2014

(Mentalidade Petista e Socialista) - Gastos com Cartão Corporativo do Governo crescem em meio milhão - (Seu Burro, você está pagando)

(Mentalidade Petista e Socialista) - Gastos com Cartão Corporativo do Governo crescem em meio milhão - (Seu Burro, você está pagando)

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/05/mentalidade-petista-e-socialista-gastos.html

sábado, 3 de maio de 2014

(Vídeo) - La vida de los “Socialistas del siglo XXI” en Miami

(Vídeo) - La vida de los “Socialistas del siglo XXI” en Miami

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://cubanosporelmundo.com/2014/04/27/vida-socialistas-chavistas-miami-eeuu/

(Mentalidade Esquerdista) - Copa do mundo: Traficantes oferecendo voo, hotel, copa e escravas sexuais por 12 mil dólares

(Mentalidade Esquerdista) - Copa do mundo: Traficantes oferecendo voo, hotel, copa e escravas sexuais por 12 mil dólares

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://pedofilianauniversidade.blogspot.com.br/2014/05/copa-do-mundo-traficantes-oferecendo.html

quinta-feira, 1 de maio de 2014

quarta-feira, 30 de abril de 2014

segunda-feira, 28 de abril de 2014

domingo, 27 de abril de 2014

sábado, 26 de abril de 2014

quinta-feira, 24 de abril de 2014

O “ARAGUAIA SEM MÁSCARA” - ("Eles não abandonaram o comunismo. O comunismo foi quem os abandonou")

O “ARAGUAIA SEM MÁSCARA” - ("Eles não abandonaram o comunismo. O comunismo foi quem os abandonou")

Clique no link abaixo para acessar maiores informações:
http://metodologiadoestudo.blogspot.com.br/2014/04/o-araguaia-sem-mascara-eles-nao.html

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Ponerologia: Psicopatas no Poder by Dr. Andrew Lobaczewski - (o discurso comunista, pró-comunista ou esquerdista é cem por cento baseado na exploração da compaixão e da culpa... quando os psicopatas dominam, a insensitividade moral se espalha por toda a sociedade, roendo o tecido das relações humanas e fazendo da vida um inferno.)

Ponerologia: Psicopatas no Poder by Dr. Andrew Lobaczewski - (o discurso comunista, pró-comunista ou esquerdista é cem por cento baseado na exploração da compaixão e da culpa... quando os psicopatas dominam, a insensitividade moral se espalha por toda a sociedade, roendo o tecido das relações humanas e fazendo da vida um inferno.)

Clique no link abaixo para acessar maiores informações:
http://psicologiareformacional.blogspot.com.br/2014/04/ponerologia-psicopatas-no-poder-by-dr.html

domingo, 20 de abril de 2014

Filme: Deus não está morto - Trailer legendado (God's Not Dead)

Filme: Deus não está morto - Trailer legendado (God's Not Dead)

Clique no link abaixo para acessar o vídeo:
http://filosofiareformacional.blogspot.com.br/2014/04/filme-deus-nao-esta-morto-trailer.html

Em 2013 a China executou mais pessoas que o resto do mundo. A China, como Cuba, Venezuela e Coreia do Norte, como qualquer país petista-esquerdista-socialista-marxista são máquinas de matar oposição e dissidentes.

Em 2013 a China executou mais pessoas que o resto do mundo. A China, como Cuba, Venezuela e Coreia do Norte, como qualquer país petista-esquerdista-socialista-marxista são máquinas de matar oposição e dissidentes.

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://mentalidadeesquerdista.blogspot.com.br/2014/04/em-2013-china-executou-mais-pessoas-que.html

segunda-feira, 14 de abril de 2014

COMEÇOU A REAÇÃO CONTRA A CORJA QUE ASSALTOU O BRASIL!!!

COMEÇOU A REAÇÃO CONTRA A CORJA QUE ASSALTOU O BRASIL!!!

Clique no link abaixo para acessar: http://sabedoriaverdadeira.blogspot.com.br/2014/04/comecou-reacao-contra-corja-que.html

Graças as Instituições e Políticas Esquerdistas Pecaminosas: Violência sexual contra crianças em portos vai crescer durante a Copa

Graças as Instituições e Políticas Esquerdistas Pecaminosas: Violência sexual contra crianças em portos vai crescer durante a Copa 

Clique no link abaixo para acessar a reportagem:
http://mentalidadeesquerdista.blogspot.com.br/2014/04/gracas-as-instituicoes-e-politicas.html

Plano Nacional de Educação irá aprofundar doutrinação no ensino - No país do analfabetismo funcional, novo plano de educação negligencia o mérito, põe a escola contra a família e, em vez de estimular a leitura, policia as palavras, transformando a língua num instrumento de opressão ideológica

Plano Nacional de Educação irá aprofundar doutrinação no ensino - No país do analfabetismo funcional, novo plano de educação negligencia o mérito, põe a escola contra a família e, em vez de estimular a leitura, policia as palavras, transformando a língua num instrumento de opressão ideológica

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://generoediversidadenaescola.blogspot.com.br/2014/04/plano-nacional-de-educacao-ira.html

ALIADO DO PT RECEBE PROPINA - Doleiro depositou R$ 160 mil na conta de membro do diretório do PP

ALIADO DO PT RECEBE PROPINA - Doleiro depositou R$ 160 mil na conta de membro do diretório do PP

Clique no link abaixo para maiores informações:
http://corrupcaopetista.blogspot.com.br/2014/04/aliado-do-pt-recebe-propina-doleiro.html

Protegendo a Família do Inimigo Interno by John Horvat II

Protegendo a Família do Inimigo Interno by John Horvat II

Clique no link abaixo para acessar a reportagem:
http://familiacalvinista.blogspot.com.br/2014/04/protegendo-familia-do-inimigo-interno.html

HUNGRIA: Vitória conservadora - (“A Europa deve retornar ao cristianismo para que seja possível uma regeneração econômica [...] A crescente crise econômica na Europa tem sua origem no campo espiritual, não na ordem econômica”.)

HUNGRIA: Vitória conservadora - (“A Europa deve retornar ao cristianismo para que seja possível uma regeneração econômica [...] A crescente crise econômica na Europa tem sua origem no campo espiritual, não na ordem econômica”.)

Clique no link abaixo para acessar a reportagem:
http://intelectuaisconservadores.blogspot.com.br/2014/04/hungria-vitoria-conservadora-europa.html

sábado, 12 de abril de 2014

Parada do Orgulho LGBT será financiada com dinheiro público. Petrobras, Caixa Econômica e Governo Federal investirão milhões para promover evento gay.

Parada do Orgulho LGBT será financiada com dinheiro público. Petrobras, Caixa Econômica e Governo Federal investirão milhões para promover evento gay.

Clique no link abaixo para acessar a reportagem:
http://economiareformacional.blogspot.com.br/2014/04/parada-do-orgulho-lgbt-sera-financiada.html

quinta-feira, 10 de abril de 2014

"...delírios da chamada teoria de gênero, essa invenção de professores desocupados com problemas de identidade sexual." by Luiz Felipe Pondé

"...delírios da chamada teoria de gênero, essa invenção de professores desocupados com problemas de identidade sexual." by Luiz Felipe Pondé

Clique no link abaixo para acessar a matéria:
http://intelectuaisconservadores.blogspot.com.br/2014/04/delirios-da-chamada-teoria-de-genero.html